e-Sports e Esportes – Como Isso é Possível?

O e-Sports nada mais é do que mais uma possibilidade de competir.

Temos infinitas possibilidades de competir.

O ser humano já criou inúmeras formas de disputar com os outros, e algumas são bem esquisitas, por exemplo:

Correr atrás de um queijo que rola montanha a baixo, quem chegar primeiro ganha o queijo.

Parece pegadinha, mas é sério, existe.

Os tombos são inevitáveis, hematomas são garantidos e o prêmio…

Bom, o prêmio não é grande coisa, mesmo assim em determinada região da Escócia essa atividade é uma tradição e eles gostam bastante de competir por isso.

e-Sports-e-esportes-corrida-atras-do-queijo

O e-Sports!

Mas e a atividade de sentar em uma cadeira, apertar teclas e botões e olhar para uma tela, podemos disputar isso?

Parece incrível, mas podemos.

Vamos tirar o foco da poltrona, vamos olhar para o que acontece na tela, ali está exposto através do jogo, uma quantidade infinita de raciocínios realizados em milissegundos.

A humanidade participa há muitos anos de modalidades como o xadrez e o tiro, que não exigem do corpo tanto quanto uma atividade aeróbica, mesmo assim são considerados esportes.

Lembrando que a corrida para pegar o queijo, e competições para ver quem come mais hambúrgueres já foram televisionadas e atingiram grande público interessado, só não se tornaram esporte porque poucos atletas estão investindo nessa carreira.

Já o ramo de esportes eletrônicos, e-Sports, a procura é imensa, muitas pessoas, denominadas cyber-atletas, já se mantêm financeiramente apenas jogando “joguinhos”.

A cada dia vivemos mais no mundo virtual do que no mundo tátil e mesmo assim nossas vivências continuam sendo reais.

Estamos gastando bilhões com coisas que só existem no mundo virtual, a loja de aplicativos da Apple, por exemplo, arrecadou aproximadamente US$ 25 bilhões em 2014, vendendo itens que só existem num mundo virtual.

e-Sports-e-esportes-ginasio-lotado

Os Ganhos do e-Sports.

Torneios em esporte eletrônico, e-Sports, já lotam estádios e pagam milhões de dólares aos participantes.

Parece impressionante, mas é só o começo.

O mundo do esporte está em transformação, novas carreiras estão surgindo e é um caminho sem volta.

Os mais conservadores vão reclamar, mas esse é o papel deles, tentar manter as coisas como eles conheceram.

Para todos que conseguirem se adaptar à essa nova realidade aproveitem a era dos e-Sports (abreviação do inglês: eletronic sports) é divertido!

Não deixe de ver outras matérias aqui no site.

Até a próxima  galera.

Fontes: Tecnoblog, UOL Notícias.

Tags